União de Sindicatos do Porto

Enviar por E-mail Versão para impressão PDF

Apresentada queixa ao Provedor da Justiça

...PORQUE O INSTITUTO DO EMPREGO NÃO INFORMA SOBRE DESEMPREGADOS ELIMINADOS DOS FICHEIROS (65.380 de Outubro/2010 a Abril/2011)

Em Março/2011, dos ficheiros dos centros de emprego do distrito do Porto, foram eliminados mais 9.398 desempregados.

Em Abril/2011, igualmente foram eliminados mais 8.348 desempregados.

De Outubro/2010 a Abril/2011, no seu conjunto desapareceram dos ficheiros dos centros de emprego do distrito do Porto, 65.380 desempregados.

Desde Dezembro/2010, que se vem solicitando ao Presidente do Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP) que a situação seja esclarecida.

Até à data nenhuma resposta ou informação foi prestada.

O desemprego registado no distrito do Porto, de acordo com os elementos indicados pelo IEFP, referentes a Abril de 2011, foi de 125.939 pessoas.

Se a este número se acrescentasse a totalidade, ou mesmo parte, dos 65.380 desempregados que desapareceram dos ficheiros desde Outubro de 2010, a situação grave assumiria uma dimensão muito maior, o que poderia obrigar a uma maior sensibilização pública para a adopção de medidas para atenuar e embater este gravíssimo problema laboral e social.

Face à omissão e falta de informação solicitada, foi apresentada queixa ao Provedor de Justiça do comportamento inadmissível dos responsáveis do Instituto do Emprego e Formação Profissional.

Para mais informações, consultar página da USP www.usporto.pt, gabinete técnico.

Porto, 07 de Junho de 2011

A Direcção da União dos Sindicatos do Porto/CGTP-IN